Avançar para o conteúdo
AcPlectro01-1
AcPlectro01

Orquestra Portuguesa de Guitarras e Bandolins | “Pleiades”

A produção deste trabalho esteve a cargo da Associação Cultural de Plectro com a direção artística de António de Sousa Vieira.

A gravação, que ocorreu na Casa das Artes do Porto entre 27 e 31 de Maio de 2015, foi dirigida pelo Maestro Juan Carlos Muñoz, e contou ainda com as participações especiais de Haoxing Liang (solista violino), Rui Gama (solista guitarra), Coro dos Pequenos Cantores de Esposende e Ensemble de Flautas dos Cursos de Música Antiga da ESMAE e ESML (sob a coordenação de Pedro Sousa Silva). A direção da obra “Exsultate Deo” para Coro e Orquestra de Plectro foi dirigida pela Maestrina titular do CPCE Helena Venda Lima.

AcPlectro03

Fernando C. Lapa | Canções do outro lado da rua | OPGB Integral para orquestra de guitarras e bandolins

Neste CD “se reúnem três obras diferentes, que compus nos últimos anos para uma singularíssima e maravilhosa formação – a Orquestra Portuguesa de Guitarras e Bandolins (OPGB). Elas resultam de pedidos e encomendas da orquestra e ilustram três faces bastante distintas do meu ofício de compôr: melodias de canções que escrevi para momentos muito diferentes; tratamentos orquestrais de melodias populares, num prazer reiterado de uma viagem pela música das nossas raízes; e até a experiência mais aberta e plural de registos, texturas e sonoridades, numa construção que retrata o meu fascínio pela sonoridade única de todos estes instrumentos.”

Fernando C. Lapa, Compositor

“A ideia de a Orquestra Portuguesa de Guitarras e Bandolins (OPGB) gravar um disco só com autores portugueses era algo que ambicionava desde a fundação. A grande conquista, que foi a profissionalização da OPGB, permitiu tornar as encomendas bastante regulares. Da minha admiração pela música do Professor Fernando Lapa, fruto essencialmente da experiência em grupos corais, surgiu a encomenda de Canções do outro lado da Rua para estreia no Centenário do Conservatório de Música do Porto. A empatia da OPGB com esta peça levou a que o Professor Fernando Lapa, com a sua habitual simpatia e generosidade, continuasse a acudir aos meus pedidos, que agora se materializam neste disco. Obrigado, Professor Fernando C. Lapa!”

António de Sousa Vieira, Diretor Artístico